ROTEIROS | Livraria Lello, Porto

27 janeiro 2016

A primeira coisa que me perguntaram quando souberam que tinha metido os pés da Livraria Lello no Porto foi se me tinha sentido em Hogwarts.
O meu primeiro instinto foi dizer que sim, mas agora - e com algum distanciamento - posso dizer que não. Senti-me sim num sítio ainda mais mágico que Hogwarts porque as livrarias para mim são isso: magia e Mundos novos.



A Lello foi o primeiro sítio que visitamos no Porto depois de termos dado uma volta gigante pelos Aliados e de termos ido ao McDonald's Imperial comer qualquer coisa. A entrada é €3,00 que depois pode ser usada como vale de desconto na compra de um livro - comigo veio este - e, no dia anterior à nossa visita a livraria tinha feito cento e dez anos de existência!

A livraria Lello foi aberta em 1906 pelos irmãos com o mesmo nome - José e António - conhecidos na cidade como irmãos unidos que faziam parte do círculo de burgueses e intelectuais da cidade do Porto e a famosa fachada foi da responsabilidade de Francisco Xavier Esteves.


Esta fachada, em estilo neogótico, é o primeiro cartão de visita da Lello. Acho que qualquer pessoa vê uma fotografia e sabe imediatamente o que é e onde fica. No interior da livraria temos um conjunto de baixos relevos e, ao longo da sala, podem ser encontrados os bustos de alguns dos mais importantes escritores portugueses como Eça de Queirós e Camilo Castelo Branco.

No entanto não há nada mais icónico na Lello do que a escadaria. Escadaria essa que, reza a lenda, inspirou J. K. Rowling a escrever algumas cenas no castelo de Hogwarts. Olhando para cima da escadaria vemos um vitral gigante (oito metros de comprimento e três metros e meio de largura) no tecto e tem uma insígnia que diz decus in labore - dignidade no trabalho.


Para quem é apreciador de livros vale a pena a visita. Para quem gosta de sítios bonitos e com detalhes encantadores também vale a pena a visita. Basicamente toda a gente devia ir pelo menos uma vez na vida à Lello - os €3,00 do bilhete são um pequeno investimento para aquilo que vocês conseguem levar daquele sítio mágico. Eu saí de lá um bocadinho mais rica e feliz.

25 comentários

  1. Coisa bonita! E aos anos que não entro lá! Vale tanto a pena :)

    ResponderEliminar
  2. É muito mau de pensar que eu moro no Porto e só entrei umas duas vezes na Livraria Lello, por muita pena minha obviamente. Mas antes de cobrarem as entradas era tanta gente lá dentro que eu nunca consegui subir aquelas escadas maravilhosas.

    ResponderEliminar
  3. As fotografias estão muito giras =) Infelizmente, ainda não fui mas está definitivamente e já há muito tempo na minha lista de sítios a visitar.

    ResponderEliminar
  4. Adorei imenso o teu post e deixaste-me com vontade de ir visitar a livraria :)
    beijinhos.

    http://fifoquices.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  5. Durante quatro anos a cidade do Porto foi o palco da realização do meu sonho (ser enfermeira, tal como tu, Ana). Por mais ou menos 2 anos, quase diariamente a vista da livraria Lello fez parte do meu dia. Sempre que ia para os ensinos clínicos no Hospital de Sto António era obrigatório a minha passagem por lá. Muitas vezes a contemplei, apenas por fora... até ao dia em que resolvi entrar (ainda no tempo em que a entrada não se pagava,há mais ou menos 2 anos atrás)! Sou uma amante de literatura (padeço do mesmo mal!) e por isso te digo que esse sentimento de parecer que entramos num mundo mais do mágico e real (eu mesma a senti!) Este é sem dúvida um ponto de interesse a visitar sempre que estivermos pela cidade invicta!
    Parabéns pelo excelente trabalho no Blog! ��
    E bem, esperemos que a cidade do Porto tenha a oportunidade de te ver mais vezes por lá ��
    Beijinhos ��

    ResponderEliminar
  6. Saudades da "minha" Lello. Faz mesmo lembrar a Flourish and Blotts, não faz? :D
    E adoro, adoro essa foto tua em que estás sentada. Pareces mesmo pertencer a esse ambiente antigo, mas intemporal, de livros maravilhosos repletos de histórias apaixonantes. <3

    Joan of July

    ResponderEliminar
  7. A Lello é tão bonita! E as tuas fotografias fizeram-lhe jus, sem dúvida. Há alguns anos que não entro lá, na verdade desde que começou a invasão turística que só espreito. Agora que voltou a acalmar com as entradas pagas, tenho mesmo de visitá-la. Quando era miúda ia aí comprar livros com a minha mãe portanto trás-me recordações mesmo boas :)

    ResponderEliminar
  8. Nunca fui ao Porto. Só sei que no dia em que for, esse será sem sombra de dúvida o primeiro sítio a visitar :)

    xoxo

    ResponderEliminar
  9. Que linda! Já tinha ouvido falar nessa livraria mesmo por causa da autora dos livros do Harry Potter. Consigo mesmo ver imensos sítios daquele local mágico quando olho para as tuas fotos, que ficaram lindas! kiss^^

    http://somerandomthoughtsandthings.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  10. Também já la fui , é simplesmente mágico ♥

    http://collectingwaves.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. As fotoooos estão mesmooooooo lindas!
    Fiquei inspirada neste momento! *.*
    Muitos beijinhos!
    http://diaryofalittlebee.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Que saudades da Lello agora! E concordo contigo, a Lello é mais mágica que qualquer mundo imaginário... talvez por ser tão real, palpável, apreciável. Eu adoro esse sítio e acho que por 3€, vale sempre a pena a visita! (E estás a ver ao que me refiro quando digo que és french chic? Olha-me bem essa carinha na 3ª foto :) ) *

    ResponderEliminar
  13. Apesar de já ter ido imensas vezes ao Porto e adorar, é sítio onde nunca entrei (ou se entrei era ainda pequena e não me lembro). A verdade é que vamos sempre visitar tanto sítio, que a Lello acaba por ficar sempre de lado, mas da próxima vez não falha!
    As fotos estão lindas :)

    ResponderEliminar
  14. Não sei porquê mas eu na altura não me pediram nada à entrada e não podia tirar fotos :(

    ResponderEliminar
  15. Uau, tenho que ir visitar o Porto em condições! Mesmo!!

    ResponderEliminar
  16. Fiquei ainda mais entusiasmada para fazer a viagem que tanto me aguarda em março para o Porto. A livraria Lello faz parte de um dos sítios a visitar. Para além de ser o que é, penso que a sua localização traz ainda mais encanto à coisa. Os livros que me esperem eheh.

    ResponderEliminar
  17. Quando foi lá, algum tempo sim, não nos era permitido fotografar..mas sem dúvida que é um sítio magnifico!

    ResponderEliminar
  18. Que fotos BRUTAIS!!!! <3

    3 € para entrar ? Não fazia ideia ahahaha!

    ResponderEliminar
  19. Bons velhos tempos da faculdade, em que estudava bem pertinho da Lello. Jánão entro lá há imenso tempo, tenho de voltar um dia destes :)

    ResponderEliminar
  20. Costumava ir lá com frequência e confesso que desde que o Porto ficou super turístico que não voltei, gosto de me lembrar dele sem aquele rodopio de gente! Mas tem sido super engraçado ver a afluência com o passar do anos :)

    ResponderEliminar
  21. Costumava ir lá com frequência e confesso que desde que o Porto ficou super turístico que não voltei, gosto de me lembrar dele sem aquele rodopio de gente! Mas tem sido super engraçado ver a afluência com o passar do anos :)

    ResponderEliminar
  22. O sonho de qualquer bookworm quero visitar a Lello há tanto tempo!

    ResponderEliminar
  23. Já se pode fotografar dentro da Lello?

    ResponderEliminar

Design, coding and theme by Ana Garcês.
Copyright © 2011-2017