PERSONAL | O Primeiro Passo

Tenho passado os últimos meses num estado de suspensão consciente. Disse-me mil vezes que não valia a pena estar a entrar em stress - e a sofrer por antecipação - que tinha tempo para tudo: para alinhar as minhas decisões, para tratar de tudo o que faltava e para relaxar.

Num primeiro momento celebrei de forma mais resguardada. Depois disso - e de todas as confirmações necessárias, de double e triple checks e de beliscões só por via das dúvidas - celebrei com mais ânimo, mas ainda assim não estou lá. Falta aquele último degrau...sobre o qual não tenho nenhum tipo de controlo, e isso está-me a pôr doida.

Em parte sinto que me enganei a mim mesma quando disse que dois meses era mais do que tempo suficiente para decidir onde me queria sentir em casa nos próximos quatro anos. Não chegam, não quando essa pessoa sou eu.

Sei o que quero fazer da vida desde que me lembro como gente e não houve nem um momento em que tivesse vacilado desse sonho de vida - tanto que andei aos murros com as paredes anos e anos a fio para fazer acontecer.

As dúvidas são algumas, e sinto-me um bocadinho sufocada quando, de todas as partes, as pessoas me bombardeiam com opiniões que ninguém lhes pediu, dicas (que apesar de parecerem bem intencionadas) vieram no timing errado e que ridicularizem aquilo que sinto quando decido partilhar alguma coisa.
É por isso que não costumo partilhar muitos dos meus sentimentos com quem me rodeia, mas ás vezes é complicado guardar tudo cá dentro sem dar em louca de vez.

É um bocadinho estranho ver-me neste momento a braços com uma decisão destas e sentir-me tão perdida agora como quando tinha dezoito anos (apesar de na altura estar cheia de falsa confiança em mim).

Sei o que quero fazer? Check.
Acho que depois disto o resto devia ser fácil de delinear, mas não. Sei que há um sítio para que quero muito (mas mesmo muito) ir e outro, em segundo lugar, para o qual não morria se fosse.
Uma das minhas dúvidas é se vou à valente e meto só um, se me precavenho e meto os dois ou se decido mais quatro - entre centenas - pelo sim, pelo não.
Esta é apenas umas das coisas em que penso dezenas de vezes ao dia.

Eu sei que estas são questões que só eu posso resolver e que, ao explicá-las, talvez não tenha sequer razão para estar a fazer o escabeche com isto, mas ando a perder sono à conta destas pequenas coisas.

Hoje foi o primeiro dia, estive duas horas a olhar para o ecrã do portátil a contemplar as minhas opções e acabei por seguir o meu instinto. Venho um bocadinho atrasada para a festa a que alguns já tiveram entrada à meia-noite (não, não tentei a entrada antes de hoje) e sei que até dia dezoito ainda posso mudar de ideias.
Nunca quis tanto na minha vida e por isso prevejo também que até dia vinte e quatro vou ter muito pouco descanso. E que vou sofrer por antecipação. E que vou ter palpitações e essas coisas boas todas. Aguenta coração!

Vale-me que vou estudar para enfermeira.

(É favor de fazerem macumbas, rezas, altares e tudo aquilo que acharem pertinente para ajudarem à causa, pode ser? A gerência agradece).

16 comentários:

  1. Calma. Está quase e o pior já tu fizeste!

    Já estou aqui a acender velas, queimar incensos e cantarolar rezas por ti :p
    (Não que precises, mas mais vale jogar pelo seguro!)

    ResponderEliminar
  2. O importante é seguir o coração, o resto vem depois... Pena que ninguém me explicou isto a mim quando mais precisava de o saber. Bjs e muita sorte, que o resto, o mais importante, já tu tens.

    ResponderEliminar
  3. Boa sorte Ana!! Tu vais conseguir tirar o teu curso de enfermagem! Hoje ou amanhã, o importante é nunca desistires de ti mesma e dos teus sonhos!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  4. Estou aqui a fazer figas com os dedinhos todos, dos pés e das mãos!
    E sim, o instinto conta muito - falo de experiência pessoal! :D

    Orgulho em ti, 'pariga!***

    ResponderEliminar
  5. Macumbas e rezas feitas (e em andamento!) sabes o orgulho que tenho em ti seja qual for o outcome, não sabes? E, se não desististe dos teus sonhos até agora, digo-te eu que já vais tarde para o fazer :D agora é ter coração (e estômago) forte e dia 24 a tua vidinha vai mudar para muito melhor! Beijinhos*

    ResponderEliminar
  6. É bem compreensível que passos como este tirem horas de sono, querida Ana! São tão decisivos e afectam tantos aspectos da vida! Mas quando subires esse último degrau, é momento de celebrar em pleno!
    Muitos parabéns e que corra tudo bem neste percurso! :)

    Beijinhos,

    --
    Sofia
    Seventeen Seconds

    ResponderEliminar
  7. Muito boa sorte :)
    beijinhos!

    http://fifoquices.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  8. Fiquei em Évora e não quero sair daqui. Na altura só meti esse sitio na candidatura. Não me arrependo.
    Boa sorte e beijinhos.

    ResponderEliminar
  9. Bem vinda ao clube :D Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Boa Sorte Ana ;) Vai correr tudo bem :)

    Beijinho

    ResponderEliminar

Design, coding and theme by Ana Garcês.
Copyright © 2011-2017