INFINITE MIXTAPE | Fifty Shades of Songs

Diz que é hoje que estreia o filme mais aguardado do ano (debatível) também conhecido como As Cinquena Sombras de Grey. Sei que muita gente já tem o bilhete para ir ver esta película desde mil novecentos e oitenta e três e que mal pode esperar para arrastar o namorado e/ou as amigas para a sala do cinema. Pois tudo muito bem, nada contra até porque eu também o vou ver - apesar de não ser no cinema.

Digo já que li os livros. Pronto, já disse apesar de não ser nenhum segredo. Li porque quis, ninguém me apontou um chicote ao corpinho nem me algemou numa cama com o livro à frente. Li porque sou daquelas que acredita piamente que, para criticar seja o que for, convém ler, ou ouvir, ou ver, ou pesquisar sobre o assunto antes de dizer que sim senhores, não gosto nada disto. Não foram os livros que mais gostei de ler - aliás podem ver as reviews AQUI, AQUI e AQUI - e passei grande número das "partes sumarentas" à frente porque aquilo era um aborrecimento mas foram bom entretenimento. Admito já que não me lembro de grande parte da história, mas uma das coisas que me recordo é da banda sonora.

Eu explico: ao longo do livro são referenciadas muitas músicas (e boas!) para determinadas situações mas sobretudo quando eles estão no quarto de brinquedos do Christian que, juntas, formam uma playlist extensa, eclética e muito boa. Vai dai a curiosidade bateu mais forte e fui procurar a banda sonora oficial do filme e, meu amigos, é qualquer coisa de muito boa! Temos nomes como Beyoncé (já devem saber esta), Frank Sinatra (amor de uma vida), Sia e Rolling Stones. São quinze músicas que vou partilhar com vocês.


Mesmo que vão (ou não) ver o filme, qualquer desculpa é boa para ouvir boa música.
Podem seguir esta playlist no Spotify AQUI.

                       

7 comentários:

  1. Se há coisa que gosto nisto é a banda sonora. Está muito agradável ^^

    ResponderEliminar
  2. A banda sonora está mesmo muito boa, sem dúvida! Foi a única coisa que me chamou à atenção no trailer.

    ResponderEliminar
  3. Devo confessar que estou obcecada com essa versão de Crazy in Love! ^^
    Bj*

    365 Days of Blues

    ResponderEliminar
  4. A escrita dos livros é terrível, nem sei como é que ela conseguiu ter este sucesso todo, mas também duvido que seja pela poética literatura que as pessoas lêem estes livros. Penso que é mais pela curiosidade de um mundo que é tabu e muito desconhecido. Vou também ver o filme e estou bastante entusiasmada para ver como é que transformaram um livro erótico num filme.

    ResponderEliminar
  5. Fui ver ontem o filme ao cinema e realmente o que mais amei foi a banda sonora,:p

    Another Lovely Blog! - http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Adoro a música "Love me like you do" da Ellie Goulding :)

    ResponderEliminar

Design, coding and theme by Ana Garcês.
Copyright © 2011-2017