OFF TOPIC | Pépa's 2.55

10 janeiro 2013

(NOTA: Este texto é meramente opinativo. Demonstro a minha opinião face à situação e não aceitarei de maneira nenhuma faltas de respeito à minha pessoa ou a ninguém que partilhe depois a sua opinião neste post.)


Não conheço a Pépa do Fashion-À-Porter mas não entendo a polémica que se está a gerar em torno do que ela disse numa entrevista à Samsung (que a marca entretanto apagou).
Ela pode ter aquilo que meio Mundo chama de "sotaque à tia" e que até pode arrastar as palavras e falar mal, e dai? Eu falo depressa, engano-me muitas vezes, confundo-me e atropelo as palavras. Se ela podia  ter parecido menos nariz empinado? Até podia, mas não calhou.
A Pépa pediu, no meio de muitas outras coisas, a icónica mala 2.55 da Chanel e referiu (mesmo!) que estava a juntar dinheiro para a comprar. Será isso realmente um crime? Será ela má pessoa por causa de querer a malunfa? Não. Claro que não. São sonhos. Materialistas, é certo, mas continuam a ser sonhos.

Tudo bem que em tempo de crise dizer que se quer uma mala que custa mais que um ordenado mínimo  é (quase) considerado crime. A Pépa não disse nenhuma blasfémia, apenas vocalizou um desejo, uma compra que a faria feliz. Provavelmente não pensou duas vezes no que disse e por isso soou como soou, mas são pormenores. O que me espanta é a mesquinhez da gente e a prontidão que atiram os seus bitaites (por vezes) venenosos sobre isto ou aquilo. Às vezes conseguimos ser um povo invejoso (no mau sentido) face ao sucesso dos outros.

Eu, por minha vez, quero uns Louboutin e uma Canon 550D. Sou má pessoa por causa disso? Acho que não. Se estou na esperança que me caiam do céu? Também não. Sei o que a vida custa e que só terei ambos com muito esforço, muita poupança e também muita dedicação.

Agora, comecem a dizer que não tenho dois palmos de testa, que não sei o que custa ganhar a vida. Falem mal de mim neste Mundo e no outro e digam também que sou uma menina mimada. Depois aproveitem e atirem-me umas pedras à cabeça só para acabarem o servicinho.

Não estou a defender ninguém como também não estou a atacar, estou sim a mostrar um ponto de vista porque desejos materiais toda a gente tem: uns mais caros que outros, uns mais concretizáveis que outros, uns que serão realizados e outros que vão ficar a matutar para o resto da nossa vida. Se agora, a partir do momento em que expomos os nossos desejos mais materialistas seja a quem for, passamos a ser crucifixados e enxovalhados em praça pública alguma coisa anda muito mal.

Entretanto vou só ali namorar (pela enésima vez) a minha futura Canon e os meus futuros Louboutin.

Até jazz,

8 comentários

  1. Concordo contigo a 100%!
    De certeza de todos nós temos alguma coisa que gostavamos de ter, algo material e muito caro por sinal. Eu própria tenho e não é crime nenhum assumir isso! Sim, a vida não está facil, o dinheiro não cai do céu e muito menos temos tudo o que queremos de mão beijada, mas sonhar um pouco não faz mal a ninguém, até inventiva!
    Ninguém tem de te julgar pela tua opinião :)
    Beijiinhos, Catarina

    catascustodio.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Nunca a tinha ouvido falar e confesso que mais valia não ter ouvido porque não gostei mas isso pouco importa. Não sigo o blogue dela nem nenhum dos outros mas, de qualquer forma, cada um tem os seus desejos e se não era suposto falar em desejos materialistas deveria haver uma cláusula no contracto com a Samsung onde estivesse explícito isso.
    Ela disse que estava a juntar dinheiro para comprar uma Chanel e que seria uma conquista para ela poder fazê-lo. Sinceramente não vejo onde está o mal disso. Quem tem emprego, não tem como desejo prioritário arranjar um emprego e prefere desejar mantê-lo. Quem tem comida na mesa todos os dias sem ter de fazer grandes contas é óbvio que não vai desejar ter um pão por dia para comer. Cada um tem as suas prioridades e uma das dela é comprar a mala dos seus sonhos.
    Se ela tivesse desejado só a paz no mundo e o amor eterno para todos seria uma hipócrita. Assim é fútil. Não há maneira de deixar toda a gente contente, é mesmo assim que funciona...
    A culpa é da Samsung que fez surgir vídeos assim numa época de crise. É óbvio que ia haver polémica e más línguas quando a Pepa pede uma mala Chanel e a Maria Guedes diz que em 2013 quer "ter menos. menos acessórios, menos" X, menos Y... Seria de esperar...
    Mas cada um tem as suas realizações e conquistas pessoais. Se ela já tem tudo o resto, é uma sortuda. Se ela pode ter uma mala Chanel, que tenha. Eu se pudesse também teria (:

    ResponderEliminar
  3. Estou totalmente de acordo contigo, vi o vídeo e fiquei pasmada pela reação idiota das pessoas, mesmo sendo uma resolução " materialista" continua a ser a sua resolução, cada um tem a sua.
    Eu tenho a resolução de possuir um stock infindável de chocolates, bem bora lá fazer um vídeo a gozar com isso..
    Conclusão.. São todos para não dizer outra palavra, uns totós...

    ResponderEliminar
  4. Eu acho que o problema não está no objeto, ela até poderia querer um banana em forma de peluche, acho que o problema está na maneira de falar, na apresentação e no ar de vazio que ela transmitiu, à mim, o que é realmente motivo de chacota, é ela ter tão boa formação (Católica e IADE), trabalhar no mundo da moda, ser reconhecida por tal e nem sequer saber que a mala que ela tanto queria tem apenas três números: 2.55
    E eu achei perfeitamente normal, que o foco esteja no querer COMPRAR, porque ela até pode ter 30 modelos da Chanel que lhe foram oferecidas ou paga pelos pais a patrocinadores, assim sim sompreendo.

    ResponderEliminar
  5. Concordo totalmente contigo, acabei de o manifestar no meu blog também.

    ResponderEliminar
  6. Continuo sem perceber esta filosofia que se vive agora em tempo de crise, de quem sonha é crucificado. E a polémica em torno destes vídeos é simplesmente...perda de tempo. Porque futilidade é um conceito abrangente, e, se querem ser tão minuciosos, então tudo o que não é bem essencial à sobrevivência, é fútil.
    Esta tendencia de opinar sobre vidas alheias também é dispensável. Mas realmente, o que interessa o que a pepa quer? Se sonha em ter uma mala e até lhe é permitido juntar algum dinheiro para ter o que ela deseja...parece-me otimo!

    Os comentários em relação à sua forma de falar, se é "tia", vazia ou outras qualidades que lhe tenham atribuido...todos nós temos peculiaridades, ainda não conheci ninguém perfeito, e acho que em 2 minutos e meio de video é impossivel avaliar assim tão fortemente uma pessoa.

    Em suma, acho tudo isto muito ridiculo...

    ResponderEliminar
  7. Admito que ainda não sei da história mas acho que sonhos todos podemos ter e se não são eles o que seria de nós só com lamentações . Eu concordo com o que disseste .

    ResponderEliminar
  8. great blog :)
    would you like to follow each other?

    www.stylebyprice.blogspot.com

    ResponderEliminar

Design, coding and theme by Ana Garcês.
Copyright © 2011-2017